DIY é mais do que estimular o cérebro, é também uma forma de ser contra o sistema corporativo/industrial e também monetarista.
Podemos trocar experiências, conhecimentos e até mesmo o produto final.

Na construção a coisa é sem mimimi e momomo, o papo é rústico e reto! :oD

Sai da cidade grande em nome de um dia a dia mais salubre e para construir minha casa com uma boa oficina, e nela poder fazer minhas estrapizongas mais livremente, o resto é história...

quinta-feira, 31 de julho de 2014

Não recomendo: lâmpadas "econômicas"

Bom parece que de fato proibiram as lâmpadas incandescentes.
Um arbitrariedade em nome de interesses escusos.

Mas pelo que vejo nas lojas as pessoas já perceberam a falcatrua das lâmpadas econômicas.

escrevi há uns anos sobre o tema, mas fica o meu "não recomendo" como forma de protesto, já que fui comprar umas graciosas lâmpadas de filamento e não pude.




Observações fixas dos posts com marcadores "NÃO RECOMENDO!": 

  1. Trabalho em desenvolvimento de hardware e software há décadas e portanto, acostumado a lidar com requisitos e normas técnicas, além do mais, leio até caixa de pasta de dente, portanto, alegar que é um problema meu no mínimo é leviandade.
  2. Devemos lembrar sempre que um produto que atende aos requisitos técnicos e éticos não merecem elogios pois são obrigações dos fabricantes e nós pagamos por isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário